continua depois da publicidade

Existem muitos fatores que podem afetar suas finanças pessoais. Se você não tiver um controle bom o suficiente sobre isso, poderá acabar em uma situação em que despesas, dívidas e problemas imprevistos podem ser difíceis de lidar.

É importante ter uma boa visão geral de suas próprias finanças pessoais. Se você não tiver uma visão geral, pode acabar pagando demais e, assim, entrar no vermelho.

Confira algumas questões que você precisa ficar de olho em suas próprias finanças, para garantir uma economia saudável.

O que são finanças pessoais?

As finanças pessoais são as finanças de um indivíduo ou de uma família. Isso inclui receitas totais, impostos, despesas diversas, orçamentos e planejamento financeiro. Em suma, é o controle do seu dinheiro, saber para que você usa seu dinheiro.

Há muitos fatores que desempenham um papel em suas finanças pessoais. Em sua totalidade, deve-se pensar em quanto dinheiro se ganha e tem disponível contra o que se tem de despesas. Quando se trata de despesas, elas vêm de várias formas, estão em constante mudança e podem ser imprevisíveis.

Como controlar as finanças pessoais?

Para o melhor controle possível, deve-se ter uma visão geral da renda, que além do trabalho pode ser um retorno do investimento, da pensão ou renda extra. Você também deve repassar todas as suas despesas fixas.

As despesas fixas são:

  • Água e energia;
  • Aluguel e condomínio;
  • Educação;
  • Transporte;
  • Assinaturas;
  • Empréstimos para habitação, carro ou empréstimos ao consumidor;
  • Parcelas;

Além disso, deve-se pensar em quanto se deve ter de comida a cada mês.

Depois de saber quanto você tem disponível e quanto tem em despesas, você pode montar um orçamento. Um orçamento lhe dará previsibilidade no dia a dia, onde você poderá saber quanto sobra quando pagou tudo o que precisa.

Além das despesas fixas típicas, você também deve incluir um item em seu orçamento de poupança. A razão pela qual você deve economizar não é apenas para algo que você deseja comprar ou uma viagem, mas o mais importante é ter uma reserva para possíveis emergências.

Problemas e como lidar com eles

Algo que pode criar problemas na economia pessoal pode ser altos gastos de várias formas. Podem ser empréstimos com juros ruins, muitas assinaturas, despesas imprevistas ou uma mudança na sua situação de vida.

Se você tiver vários empréstimos em que alguns deles têm altas taxas de juros, pode rapidamente se tornar difícil colocar seu orçamento em dia. Então você deve calcular e ver quanto você realmente paga pelos empréstimos e se possível mudar para um empréstimo com taxas de juros mais baixas, ou seja, pegar um único empréstimo que quite as outras dívidas e tenha uma parcela com valor menor.

Se você tem muitos assinantes, é aconselhável considerar se você precisa de todas as assinaturas, por exemplo, você tem assinatura de revistas ou jornais que não lê ou de uma academia que nunca frequenta? Para assinaturas como internet ou telefone, muitas vezes pode ser possível mudar para uma assinatura mais favorável. Tente ver se há opções melhores por aí.

Para despesas imprevistas ou mudanças em sua situação de vida, onde você pode receber uma renda reduzida, é aconselhável ter algumas economias. Se não tiver poupança, é importante que continue a pagar as suas despesas. Então você deve reduzir suas despesas onde puder e possivelmente considerar um empréstimo com juros menores.

Se você está em uma situação difícil, onde, por exemplo, sofreu um dano em um carro que não pode pagar ou perdeu parte de sua renda, um empréstimo pode ser uma boa alternativa.

Ou pode ser uma boa alternativa se você for fazer uma reforma e não tiver uma poupança. Independentemente disso, é importante pensar nas taxas de juros de tal empréstimo e se você pode realmente pagar por esse empréstimo no futuro.

Por que é importante ter controle das finanças pessoais?

Se você tiver conhecimento suficiente e uma boa visão geral, poderá obter controle na vida cotidiana e evitar o estresse quando pensa se pode pagar ou não. Além disso, pode lhe dar segurança se você estiver atento e economizar para casos de despesas imprevisíveis.

Quando conseguimos manter esse controle, temos 3 benefícios:

  •     Previsibilidade
  •     Evite gastos desnecessários
  •     Crie melhores oportunidades de economia
Compartilhar.
continua depois da publicidade

Deixe seu comentário!