continua depois da publicidade

Depois de enfrentar uma fase difícil, com as enormes turbulências causadas pelo rompimento do acordo com a Boeing e a queda na demanda por aeronaves em meio à pandemia, a Embraer (EMBR3) está se reconstruindo.

Agora buscando um novo céu para ser explorado juntamente com a Eve, sua subsidiária no setor de mobilidade aérea urbana, fechou mais uma parceria, desta vez na Austrália: os brasileiros vão trabalhar junto com a Microflite para desenvolver esse tipo de operação no país.

As duas empresas planejam iniciar a parceria usando helicópteros — a ideia é validar os parâmetros que serão aplicados a futuras operações de aeronaves elétricas de pouso e decolagem vertical (eVTOL), o “carro voador”. Os primeiros voos estão previstos para 2026.

Além disso, as empresas buscam desenvolver um ambiente seguro para as operações da Eve junto com outras partes interessadas da indústria.

Com essas novidades que tem tudo para dar certo, as ações ON da Embraer (EMBR3) mais que dobraram de valor desde o começo do ano. Nesta quinta-feira (2), os papéis abriram em alta de 1,88%, a R$ 23,35.

Com ganhos de mais de 160% em 2021, EMBR3 está entre as ações de melhor desempenho de toda a carteira do Ibovespa.

Compartilhar.
continua depois da publicidade

Deixe seu comentário!