continua depois da publicidade

O reajuste consecutivo no preço dos combustíveis tem sido expressiva desde o inicio do ano. Do diesel ao etanol, quem depende desses abastecimentos está se tornando cada vez mais difícil.

Essa situação já fez com que muitos motoristas de aplicativo desistissem da profissão e buscassem por outra alternativa de renda.

Quando entramos na pandemia e muitos brasileiros perderam seus empregos, o número de trabalhadores informais como os motoristas de aplicativos multiplicaram.

Porém, no último ano, se tornou mais difícil fazer uma corrida, sendo comum motoristas cancelarem antes de buscar os passageiros. Isso ocorre porque muitas vezes o percurso não vale a pena, por conta do grande deslocamento até o local onde o passageiro está.

Com o valor da gasolina, o gasto de combustível durante o deslocamento até o passageiro não compensa o lucro. Essa é uma situação que prejudica tanto o motorista quanto o cliente, já que acaba tendo dificuldade de encontrar um meio de transporte.

O presidente da associação de motoristas por app, pede que os aplicativos tomem medidas para aumentar os rendimentos dos motoristas. A principal medida é aumentar os valores repassados aos trabalhadores.

Quanto ao valor do combustível, não tem muito que ser feito. Apesar de existir diversos convênios com esses trabalhadores oferecendo descontos em postos de combustíveis, os preços continuam absurdos e a tendência com a alta da inflação é subir ainda mais.

Compartilhar.
continua depois da publicidade

Deixe seu comentário!