continua depois da publicidade

Liberdade financeira vai muito além de adquirir riqueza, ela pode ser resumidamente definida como o fato de não se preocupar mais com isso. Quando você chega nela simplesmente para de se preocupar com o dinheiro, porque você sabe que ele está ali disponível para qualquer imprevisto.

No entanto todo os que lutam pela liberdade financeira têm que tomar suas finanças e os riscos associados em suas próprias mãos e decidir como podem construir suas próprias fontes de renda independentemente de qualquer coisa.

Apenas alguns indivíduos conseguem seguir uma estratégia que os leva lentamente à liberdade financeira. A maioria das pessoas gasta o que ganha, não deixando espaço para fluxos de renda passivos crescentes. Um estilo de vida modesto de uma década, que no final pode não ser lucrativo, também não é necessariamente desejável para muitos. Mas o que você pode fazer para se tornar financeiramente livre sem restringir severamente o consumo?

Basicamente, existem diferentes maneiras de construir sua liberdade financeira. Porém esses três componentes são decisivos:

Ganhar dinheiro

Se você quer chegar à liberdade financeira precisa ganhar dinheiro. Pode parecer um pouco óbvio, mas não é. Provavelmente hoje você deve ter sua fonte de renda, que pode ser um emprego assalariado ou o seu próprio negócio.

O fato é que você precisa se sujeitar a diferentes fontes de renda para conseguir levantar o maior capital possível.

Infelizmente quando trabalhamos de carteira assinada, o emprego toma grande parte do nosso tempo, nos dando uma remuneração bem abaixo do esperado. Por isso precisamos ter nossas válvulas de escape e procurar por meios de ganhar mais dinheiro.

Existem diversas opções de freelance, que podem ser feitos sem sair de casa. Também pode optar por vendas, tanto de produtos físicos como aqueles materiais online.

Coloque sua criação em ação e faça algo diferente do comum.

Economizar

Na segunda etapa em direção à liberdade financeira, você deve economizar parte do dinheiro que ganhou. Você também deve estar ciente de todos os seus ativos. Ativos podem ser explicados de maneira geral como todas as posses que geram um fluxo de caixa positivo ou pelo menos não geram um fluxo de caixa negativo.

Economizar dinheiro também significa livrar-se de dívidas que o mantêm preso financeiramente. Por exemplo, financiamento de carro, empréstimos ou uso abusivo do cartão de crédito. Avalie se isso é realmente necessário e antes de qualquer coisa, lute para quitar essas dívidas e deixar o seu salário livre.

Para chegar lá é necessário se desprender de alguns prazeres momentâneos para no futuro ser recompensado. Evitar gastos desnecessários, que podem ir desde uma roupa de marca a um almoço em um restaurante absurdamente caro.

Obviamente, cabe a você decidir que lado deseja salvar e o que pode se desprender. No entanto, uma fase de autodisciplina e minimalismo pode aumentar enormemente a qualidade de vida por meio do fluxo passivo de dinheiro ganho.

Lembre-se de que, ao economizar aos poucos, você vai construindo gradualmente o seu futuro. Quanto mais você economiza, mais seu capital aumentará. A cultura da poupança pode ser aprendida e você terá que inseri-la em seus hábitos. Para começar, você pode reservar 10% do seu salário todo mês.

Investimento

O dinheiro economizado deve ser investido de forma inteligente e lucrativa.

Procure qual modalidade de investimentos você mais se identifica. É extremamente importante estudar sobre educação financeira e investimentos, pois dessa forma você pode tomar as melhores escolhas sozinho, sem ser influenciado por outras pessoas.

O objetivo é poder viver de fluxos passivos de dinheiro de investimentos. Depois de fazer isso, o mundo está aberto para você. Por exemplo, você pode explorar o mundo, perseguir seus hobbies ou, claro, continuar sua atividade profissional. Este último, claro, sem se atormentar para trabalhar, mas se divertindo no trabalho e com a liberdade de ir quando não lhe convier mais.

 

 

Compartilhar.
continua depois da publicidade

Deixe seu comentário!