continua depois da publicidade

O novo ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni, anuncia prováveis mudanças para a classe de trabalhadores por aplicativos. Motoristas e entregadores de aplicativos como Uber e Rappi poderão ser regulamentados em um sistema parecido com o MEI (Microempreendedor).

Segundo o ministro a formalização se faz necessário para garantir alguns direitos à classe, como por exemplo, o direito a aposentadoria por idade ou por invalidez, auxílio-doença, salário-maternidade e pensão por morte para a família.

No cargo há uma semana, ele já propôs também mudanças na modalidade de empregos home office. Ele aposta no sistema híbrido de trabalho, ao qual o funcionário pode tanto trabalhar em home office como presencialmente na empresa.

“O teletrabalho veio para ficar, mas até agora ou a pessoa estava presencial ou no teletrabalho. Essa não é mais a realidade, as pesquisas indicam que as pessoas querem um tipo de teletrabalho, mas não querem perder a conexão com o presencial, seria um sistema misto. As escolas já estão fazendo isso porque os alunos reclamam da falta de convivência”, afirmou o ministro, falando sobre o home office.

Compartilhar.
continua depois da publicidade

Deixe seu comentário!