continua depois da publicidade

Com tantas novas possibilidades de trabalhar por conta própria hoje em dia, muitas pessoas pensam em abandonar o trabalho de carteira assinada e tentar algo para si mesmo. Porém, muitas pessoas confundem o fato de abrir um negócio com ser um trabalhador autônomo.

Existem vantagens nos dois negócios, mas tem questões mais complexas que precisam ser avaliadas.

Veja 6 fatores que podem ajudá-lo na escolha entre começar seu próprio negócio ou se tornar um trabalhador autônomo.

Tempo

Quanto tempo você pode reservar para a administração?

Ter sua própria empresa exige muito mais administração do que se você fosse um trabalhador autônomo.

Uma empresa precisa cuidar de muitas outras coisas, como Tributos, pagamento de contas e cobrança de dívidas dos clientes, estoque, funcionários, etc.

Responsabilidade

Com que grau de responsabilidade pessoal você se sente confortável?

Como trabalhador autônomo, você é, legalmente, um funcionário durante o exercício da função e, portanto, não tem responsabilidade legal nem corre qualquer risco financeiro.

É diferente de uma empresa, onde você tem responsabilidade financeira e legal. Pode ser que em algumas coisas você não será diretamente responsável, mas precisa manter o controle e estar por dentro de todos os assuntos da gestão da empresa.

Contribuição

Quais investimentos financeiros você pode pagar?

Para abrir uma empresa é necessário um investimento de capital. Embora uma empresa individual não exija nenhum capital inicial, exceto uma taxa de registro, isso está associado a um carregamento e administração demorados.

A criação de uma conta MEI, por exemplo, é gratuita e não envolve quaisquer obrigações para a empresa.

Preparação

Você tem tempo, desejo e oportunidade para iniciar seu próprio negócio?

A criação de sua própria empresa requer um entendimento das leis e regulamentos relativos ao seu funcionamento. Além disso, há muito trabalho prático relacionado à formação da própria empresa.

Como trabalhador autônomo, você pode faturar diretamente e, em vez disso, concentrar-se de todo o coração nas suas tarefas.

Segurança

Quão “próximo” de um trabalho tradicional você deseja estar?

O trabalho autônomo pode ser visto como um meio-termo entre sua própria empresa e um emprego tradicional. Você tem a liberdade de ser você mesmo, mas mantém muitos dos fatores de seguridade social associados a um emprego tradicional. Isso pode incluir auxílio-doença e seguro, além da garantia de um salário predeterminado para a realização de determinado trabalho.

Compromisso ao longo do tempo

Quão bem definidos são seus planos futuros?

Ter uma sua própria empresa requer alguma preparação e conexões jurídicas, por isso é necessário ter uma perspectiva de longo prazo desde o início para evitar perda de tempo e dinheiro.

Com o trabalho autônomo, a distância inicial é praticamente inexistente, o que é adequado para muitos quando o futuro é mais incerto.

A escolha é sua responsabilidade

Cada pessoa e situação são únicas e é difícil dar respostas universais sobre a forma de organização que melhor se adapta a cada um. No entanto, estar ciente do que as diferentes formas implicam abre o caminho para uma melhor decisão.

Compartilhar.
continua depois da publicidade

Deixe seu comentário!