continua depois da publicidade

Começa a partir de hoje (4), a nova norma para transferências e pagamentos feitos por pessoas físicas entre as 20h e as 6h terão limite de R$ 1 mil. Pessoas jurídicas (empresas) não serão atingidas com a medida.

À medida que foi aprovada pelo Banco Central (BC) em setembro, tem o objetivo de coibir os casos de fraudes, sequestros e roubos noturnos.

O limite poderá ser alterado a pedido do cliente, através dos canais de atendimento eletrônicos. Porém, a instituição financeira deve estabelecer prazo mínimo de 24 horas para a efetivação do aumento.

Na semana passada, o BC estabeleceu medidas adicionais de segurança para o sistema instantâneo de pagamentos, que entrarão em vigor em 16 de novembro. Uma delas é o bloqueio do recebimento de transferências via Pix a pessoas físicas por até 72 horas, caso haja suspeita de que a conta beneficiada seja usada para fraudes. (Fonte: Agência Brasil)

Compartilhar.
continua depois da publicidade

Deixe seu comentário!