continua depois da publicidade

Criptomoedas de meme e tokens de fãs continuam ganhando destaque no mercado de criptomgrafia. Nesta terça-feira (15), após o anúncio da listagem na Coinbase Pro, Shiba Inu (SHIB) e Chiliz (CHZ) saltaram 33% e 26%, respectivamente, nas últimas 24 horas.

A Coin Base Pro é o braço profissional da maior exchange de criptomoedas dos EUA. Seu acesso é mais restrito, mas abre as portas para uma adoção maior do público.

A listagem de SHIB e CHZ foi acompanhada pela Keep Network (KEEP). As negociações começarão amanhã (17), caso sejam atendidas as condições de liquidez. or enquanto, o lançamento de negociação seguirá três fases: pós-venda, apenas limite e negociação total.

Em 1º de junho, a Coinbase Pro já havia adicionado o Dogecoin (DOGE), o que resultou em grande valorização. Muitas vezes considerada uma “imitação” do DOGE, Shiba Inu é o nome da mesma raça japonesa de cachorro que usa como símbolo. Ambas são chamada de criptomoedas de meme e frequentemente criticadas por analistas.

Com lançamento muito recente, a faixa de preço do token permanecia abaixo de um centavo de dólar. Contudo, acompanha a valorização do DOGE, que subiu mais de 2.000.000% no período que antecedeu seu pico recente no início de maio, sendo listada na Binance e em outras bolsas.

Logo após anúncio da Coinbase, o SHIB subiu de US$ 0,000007002 para US$ 0,000009331, figurando entre os 50 tokens com maior valorização por capitalização de mercado na quarta-feira. Segundo o CoinMarketCap,  cresceu quase 20%, valendo US$3.377.402.507.

O lançamento de vários fan tokens (tokens de fã) relacionadas ao futebol, às véspera da Eurocopa, atraíram muita atenção para esse mercado nascente de NFTs esportivos.

Parceira em algumas dessas iniciativas, a Chiliz viu seu preço subir de US$ 0,2773 para US$ 0,3296 na manhã de quarta-feira, um aumento sustentado de 25%. A Chiliz é o token da plataforma Socios.com, que permite a compra de tokens de marca de grandes clubes como o Barcelona, PSG, Milan, Juventus e ​​Manchester City, além de organizações esportivas como UFC.

O terceiro a ser listado para negociação na Coinbase, Keep Network, teve uma valorização menor que os demais, saindo de US$ 0,49 para US$ 0,50 após o anúncio da exchange. Atualmente, está entre os 100 tokens com maior valorização por capitalização de mercado, avaliada em US$1.946.736.947.

O Keep Network é focado em armazenamento para dados privados em blockchains públicos. Sua plataforma mantém contêineres fora da cadeia para dados privados, acessíveis apenas por meio do token KEEP baseado em Ethereum.

Share.
continua depois da publicidade